quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Brazil Automation 2014

Nos próximos dias 04 a 06 de novembro, acontece no Transamérica Expo Center, em São Paulo, a 18ª edição da Brazil Automation.

Uma das principais feiras do setor de automação acontece das 13h às 20h e conta com a participação de grandes empresas Nacionais e Internacionais.

Em paralelo, ocorre o Congresso Internacional de Automação, onde o principal foco debates será o conceito de industria 4.0 dos debates, discussões e apresentações que demonstrarão a evolução das plantas industriais por meio de dispositivos interligados e automatizados, melhorando o desempenho de produção.

A programação completa da feira e inscrições para participar, você encontra no link da imagem abaixo:

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Conheça mais sobre o Cabo Profibus DP 4

O cabo profibus DP com 04 vias é considerado híbrido, pois em um mesmo invólucro é enviado um par de transmissão de dados e um par para alimentação de equipamentos.

Este cabo é utilizado em aparelhos de diversos fabricantes, e no caso da Sense, nos módulos de I/O, Derivadores, Protetores de Segmentos, e monitores de válvulas.

Nas aplicações convencionais com cabo Profibus padrão, para gerar a alimentação dos módulos utiliza-se uma fonte específica. Já em casos onde os equipamentos são distribuídos em campo, como monitores de válvulas, por exemplo, é utilizado um segundo cabo com alimentação 24Vcc, que pode ocasionar problemas como espaço em eletroduto. Pode-se usar também uma caixa de junção adicional para conexão dos 02 cabos no instrumento de campo, caso não haja conexões extras disponíveis.

Ao utilizar o cabo híbrido, a instalação fica mais limpa e consequentemente com menores custos, facilitando a montagem e manutenção, como mostrado nos itens abaixo: 

MÓDULOS COM ALIMENTAÇÃO ATRAVÉS DE CAIXA DE JUNÇÃO



MÓDULOS SENSE COM CABO HIBRIDO DE 4 VIAS


Autor: Jorge Luiz de Oliveira Mori - Engenharia de Aplicações

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

Saída de Padovan da Associação PROFIBUS

A PI (Profibus Profinet International) é a maior organização mundial em automação industrial, com mais de 1.400 Associados.


Aqui no Brasil há uma associação responsável pela América Latina, que desenvolve diversas atividades, com intuito de expor os benefícios da tecnologia e divulgar as empresas associadas que trabalham com ela. Tudo isso através de workshops, treinamentos, visitas às grandes empresas que utilizam essa tecnologia e grupos de trabalho para necessidades específicas.

Desde 2001, nosso colaborador e gerente da Engenharia de Aplicações, Engº Marco Padovan nos representa na entidade e, em 2007, assumiu a diretoria da associação. No final deste mês, Padovan deixa a presidência da entidade.

Ele conta que foi muito válido para a Sense participar da PI, pois trouxe reconhecimento no mercado como empresa que domina esse tipo de tecnologia, devido à capacidade de desenvolvimento de produtos 100% em território nacional, aproximando muito os usuários brasileiros; além da criação de um grande networking, o que certamente ajudou o trabalho de vendas.

Nosso novo representante na PI é o colaborador Leandro Ivoglo.

quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Zener ou Isolação Galvânica?

Quando o assunto é áreas classificadas, a confusão é muito comum em projetos.
Toda vez que um projeto para uma área potencialmente explosiva for realizado, deve-se levar em consideração alguns fatores determinantes como zona, custo, instalação e manutenção para a escolha do tipo de segurança a ser aplicada.
Se levar em consideração a Zona 0, a única forma aplicável de proteção é a Segurança Intrínseca (Ex i).
Nela é utilizada uma barreira (localizada fisicamente em área segura) que tem a função de limitar a corrente e a tensão a tal ponto que, em um curto-circuito no equipamento de medição/detecção (localizado fisicamente em Zona 0) não seja gerada uma centelha.

Figura 1: Limitação de Corrente com Barreira Ex i

Em Segurança Intrínseca existem dois tipos de barreira que são consolidados e amplamente utilizados, porém é importante conhecer algumas diferenças básicas entre estes modelos, para uma aplicação adequada e não correr riscos com um funcionamento inadequado.

Leia o arquivo em PDF para entender a diferença entre ambas. CLIQUE AQUI.

Autor: Victor C. Margno - Engenharia de Aplicações

quinta-feira, 2 de outubro de 2014

INATEL abre unidade em São Paulo

Grande parceiro da Sense, O Instituto Nacional de Telecomunicações - INATEL abre uma unidade em São Paulo onde reúne Educação, Ciência e Tecnologia.
A nova unidade se encontra no World Trade Center (WTC), no Brooklin Novo.
Não é a primeira vez que ele está na cidade. Desde 1999 já oferece cursos de pós-graduação e realiza cursos de extensão abertos e dentro das grandes empresas. Por conta desse motivo, a escolha da nova unidade foi estratégica: próxima a várias empresas do setor de tecnologia e parceiras da instituição.
"A abertura da unidade de São Paulo aproxima ainda mais o Inatel do setor empresarial, fortalecendo o seu projeto institucional de integração empresa-escola, mas também, abre espaço para continuarmos oferecendo aos nossos ex-alunos um conjunto de serviços especializados visando o desenvolvimento de sua carreira", diz o diretor do Inatel Marcelo de Oliveira Marques.
Alunos e ex-alunos da instituição têm descontos especiais. Para 2015, novos cursos de lato sensu devem ser oferecidos. "O objetivo é ter turmas de pós-graduação durante a semana no período da noite, além dos sábados", conta o pró-diretor de Desenvolvimento de Tecnologias e Inovação, Carlos Augusto Rocha.

Para acessar a matéria na íntegra, clique na imagem abaixo: